Archive for the ‘conversa’ Category

Curso Livre de Teatro: candidaturas até 20 de Janeiro

Terça-feira, Janeiro 14th, 2020

O prazo para as candidaturas ao Curso Livre de Teatro d’A Escola da Noite foi alargado até 20 de Janeiro. A iniciativa, inédita no percurso da companhia, decorrerá ao longo de 8 meses, em horário pós-laboral, e destina-se a quem quer aprofundar a sua relação com o teatro ou complementar, de forma prática, a sua formação nesta área.

O modelo do Curso assenta na prática teatral e assume o processo de construção do espectáculo como fio condutor, acompanhando a criação de duas produções d’A Escola da Noite: um clássico do teatro português – “O Fidalgo Aprendiz”, de D. Francisco Manuel de Melo (1608-1666), dirigido por António Augusto Barros – e um texto da dramaturgia europeia contemporânea – “(Tio) Vânia”, de Howard Barker (1946), dirigido por Rogério de Carvalho.
Ainda que organizado à volta do processo criativo, do pressuposto do fazer concreto, o curso prevê espaços de reflexão sistemáticos com incidência especial nas teorias do actor; nos processos de trabalho dramatúrgico; na abordagem de autores e obras que marcam a noção de dramaturgia contemporânea.
Coordenado pelo director artístico da companhia, António Augusto Barros, este Curso Livre destina-se a profissionais de outras áreas que tenham vivenciado práticas teatrais diversas – escolares, universitárias, amadoras ou outras – e que querem intensificar a sua relação com o Teatro e a diplomados/as ou estudantes do ensino artístico que pretendem complementar de forma prática a sua formação.
A inscrição custa 750 Euros, podendo ser paga em prestações, a acordar com os/as formandos/as. As candidaturas podem ser feitas até ao dia 20 de Janeiro, através do e-mail geral@aescoladanoite.pt. Solicitamos aos/às candidatos/as que nos enviem uma carta de motivação, o currículo e uma fotografia. A selecção poderá incluir audições e a lista definitiva de participantes deverá ser conhecida até ao final do mês.

“EMBARCAÇÃO DO INFERNO” EM ÉVORA E “O REGRESSO DE AMÍLCAR CABRAL” NO TCSB

Prossegue entretanto a temporada de “Embarcação do Inferno” no Teatro Garcia de Resende, em Évora. A co-produção com o Cendrev, estreada em 2016, é apresentada entre 15 e 17 de Janeiro em quatro sessões para o público escolar. O projecto assinala os 500 anos da primeira apresentação do mais conhecido texto de Gil Vicente e mantém-se há mais de três anos em cena, contando já com mais de 160 apresentações e de 16 mil espectadores.
Em Coimbra, no TCSB, acolhemos no dia 21 de Janeiro, terça-feira, a sessão “Os regressos de Amílcar Cabral?”, organizada pelo Centro de Estudos Sociais (projecto [DE]OTHERING) e pela Organização dos Estudantes da Guiné-Bissau em Coimbra. Com entrada livre, a iniciativa inclui a exibição do documentário “O Regresso de Amílcar Cabral”, realizado por um colectivo de realizadores guineenses em 1976, e um debate com as intervenções de Alexandra Santos (investigadora do CES, Vice-presidente do INMUNE, ativista pelos direitos de pessoas queer, LGBTI+, assistente social e fundadora do queeringstyle), Yussef (militante do Movimento Africano de Trabalhadores e estudantes-RGB e do Colectivo Consciência negra) e Marinho Pina (nascido em Sonaco, verbómano inveterado e contador de histórias em diferentes formatos, investigador do Dinâmia’CET-IUL e bolseiro da FCT). A conversa é facilitada por Sílvia Roque, investigadora do CES com trabalho sobre a Guiné-Bissau e mais recentemente sobre a figura de Amílcar Cabral e os seus múltiplos significados na actualidade.

Embarcação do Inferno em Évora, Amílcar Cabral e Curso de Teatro em Coimbra

Sexta-feira, Janeiro 10th, 2020

A Escola da Noite e o Cendrev iniciaram anteontem uma nova temporada em Évora do espectáculo “Embarcação do Inferno”, de Gil Vicente. A co-produção estreou em 2016 e já foi vista por mais de 16 mil espectadores, em 150 sessões, de norte a sul do país. A 11 e 12 de Janeiro tem entrada gratuita, celebrando o 45.º aniversário do grupo de Évora.
Ao mesmo tempo, a companhia de Coimbra retoma a programação do Teatro da Cerca de São Bernardo e mantém-se aberto o período de candidaturas para o Curso Livre de Teatro, a iniciar em Fevereiro.

EMBARCAÇÃO DO INFERNO

(foto: Paulo Nuno Silva)

Com um elenco composto por intérpretes das duas companhias e co-encenação de António Augusto Barros e José Russo, o espectáculo assinala os 500 anos da primeira apresentação e da primeira edição do mais célebre texto de Gil Vicente (e obra maior da Idade Média europeia), também conhecido como “Auto da Barca do Inferno”. Aquele que já é um dos espectáculos mais apresentados e mais vistos na história d’A Escola da Noite (154 sessões, mais de 16 mil espectadores) cumpre a sua quarta temporada em Évora, depois de ter passado por Coimbra, Campo Benfeito, Bragança, Aveiro, Viana do Castelo, Caldas da Rainha, Barreiro, Figueira da Foz, Castelo Branco, Porto, Leiria, Braga, Ponta Delgada e Sobral de Monte Agraço.
O Cendrev e A Escola da Noite reiteram a vontade de celebrar com o público este momento fundador do Teatro português, afirmando que Gil Vicente não é “apenas” o nosso maior dramaturgo, mas também uma das figuras cimeiras da nossa literatura e da nossa cultura. Respeitando a versão integral do texto, tal como foi fixada por Paulo Quintela em meados do século XX, esta criação desafia os espectadores a confrontarem-se com tudo o que a peça continua a ter para nos oferecer, cinco séculos depois. José Augusto Cardoso Bernardes, consultor científico do projecto, destaca a este respeito: “pela mão qualificada, segura e inventiva da Escola da Noite e do Centro Dramático de Évora, ficamos em condições de problematizar temas de sempre: Morte e Vida, Mal e Bem, Ter e Poder. E, para tal, nem sequer precisamos de sair completamente do século XXI. Com os pés assentes no nosso tempo, bastará alongar o ouvido e apurar a visão para escutar a sensibilidade e a moral de um outro tempo que, afinal, não está ainda tão afastado de nós como pode parecer” – escreveu o professor universitário para o programa do espectáculo.
Nesta nova temporada para o público de Évora e da Região, “Embarcação do Inferno” poderá ser vista no Teatro Garcia de Resende entre 8 e 17 de Janeiro, de quarta a sexta-feira, às 10h30 ou às 15h00. Para além das sessões para o público escolar, estão ainda agendadas duas sessões para o público em geral, nos dias 11 e 12 de Janeiro – sábado às 21h30 e domingo às 16h00. Por coincidirem com a celebração do 45.º aniversário do Centro Dramático de Évora, estas sessões são uma oferta à cidade, com entrada gratuita. Os bilhetes podem ser reservados pelo telefone 266 703 112 ou pelo e-mail geral@cendrev.com.

CURSO LIVRE DE TEATRO: INSCRIÇÕES ABERTAS

Estão abertas até 15 de Janeiro as candidaturas para o Curso Livre de Teatro que A Escola da Noite vai desenvolver ao longo de 2020. A formação decorre entre Fevereiro e Dezembro de 2020, em horário pós-laboral, e destina-se a profissionais de outras áreas que tenham vivenciado práticas teatrais diversas – escolares, universitárias, amadoras ou outras – e que querem intensificar a sua relação com o Teatro e a diplomados/as ou estudantes do ensino artístico que pretendem complementar de forma prática a sua formação.
O modelo do Curso assenta na prática teatral e assume o processo de construção do espectáculo como fio condutor, acompanhando a criação de duas produções da companhia: um clássico do teatro português – “O Fidalgo Aprendiz”, de D. Francisco Manuel de Melo (1608-1666), dirigido por António Augusto Barros – e um texto da dramaturgia europeia contemporânea – “(Tio) Vânia”, de Howard Barker (1946), dirigido por Rogério de Carvalho.
Ainda que organizado à volta do processo criativo, do pressuposto do fazer concreto, o curso prevê espaços de reflexão sistemáticos com incidência especial nas teorias do actor; nos processos de trabalho dramatúrgico; na abordagem de autores e obras que marcam a noção de dramaturgia contemporânea.
A inscrição custa 750 Euros, podendo ser paga em prestações, a acordar com os formandos. As pessoas interessadas em frequentar o curso devem enviar a sua candidatura até 15 de Janeiro de 2020 para o endereço geral@aescoladanoite.pt, acompanhada de currículo, carta de motivação e fotografia. A selecção poderá incluir audições e a lista definitiva de participantes deverá ser conhecida até ao final de Janeiro de 2020.

AMÍLCAR CABRAL RECORDADO NO TCSB

Na semana em que se assinala o 47.º aniversário do assassinato de Amílcar Cabral, o Centro de Estudos Sociais e a Organização dos Estudantes da Guiné-Bissau em Coimbra promovem no TCSB a sessão “Os regressos de Amílcar Cabral?”, que inclui a projecção do documentário “O regresso de Amílcar Cabral”, realizado em 1976 por um colectivo de realizadores guineenses e um debate com as intervenções de Alexandra Santos (investigadora do Centro de Estudos Sociais, Vice-presidente do INMUNE, ativista pelos direitos de pessoas queer, LGBTI+, assistente social e fundadora do queeringstyle), Yussef (militante do Movimento Africano de Trabalhadores e estudantes-RGB e do Colectivo Consciência negra) e Marinho Pina (nascido em Sonaco, verbómano inveterado e contador de histórias em diferentes formatos, investigador do Dinâmia’CET-IUL e bolseiro da FCT). A conversa é facilitada por Sílvia Roque, investigadora do CES-UC com trabalho sobre a Guiné-Bissau e mais recentemente sobre a figura de Amílcar Cabral e os seus múltiplos significados na actualidade.
A iniciativa terá lugar a 21 de Janeiro, pelas 21h30, com entrada livre.

TEATRO
Embarcação do Inferno
de Gil Vicente
A Escola da Noite / Centro Dramático de Évora
texto Gil Vicente encenação António Augusto Barros e José Russo interpretação Ana Meira, Igor Lebreaud, Jorge Baião, José Russo, Miguel Magalhães, Ricardo Kalsh, Rosário Gonzaga, Sofia Lobo figurinos e bonecos Ana Rosa Assunção cenografia João Mendes Ribeiro e Luísa Bebiano luz António Rebocho música Luís Pedro Madeira
consultadoria científica José Augusto Cardoso Bernardes
M/12 > 60?
ÉVORA
Teatro Garcia de Resende
11 e 12 de Janeiro de 2020
sábado, 21h30; domingo, 16h00
entrada gratuita, assinalando o 45.º aniversário do Cendrev
sessões para escolas:
8 a 17 de Janeiro de 2020
quarta a sexta-feira, 10h30 e 15h00
informações e reservas:
266 703 112 / geral@cendrev.com

Coimbra
TEATRO DA CERCA DE SÃO BERNARDO

Programação de Janeiro de 2020

TEATRO | LEITURA
Cassandra de Balaclava + Dormir em pé
de Jorge Louraço Figueira
Clube de Leitura Teatral
7 de Janeiro de 2020
terça-feira, 18h30
TAGV > 1h30
entrada gratuita
co-organização: TAGV / A Escola da Noite

CINEMA
O Regresso de Amílcar Cabral
de Flora Gomes, José Bolama, Josefina Crato e Sana na N’Hada
seguido de debate com Alexandra Santos, Yussef e Marinho Pina, facilitado por Sílvia Roque
21 de Janeiro de 2020
terça-feira, 21h30
31? > Guiné-Bissau, 1976 > M/12
entrada gratuita
(filme falado em Crioulo, Francês e Português, legendado em Inglês)
organização: Organização dos Estudantes da Guiné-Bissau em Coimbra, (DE)OTHERING/NHUMEP-CES

informações e reservas:
239 718 238 / 966 302 488 / geral@aescoladanoite.pt

Hoje no TCSB: “A Batalha de Tabatô”, com entrada gratuita

Terça-feira, Fevereiro 12th, 2019

abatalhadetabato_cartaz

Em dia das oficinas de movimento dirigidas por Matilde Ciria, o TCSB acolhe o segundo momento do ciclo “Guiné-Bissau, 46”, hoje com o filme “A Batalha de Tabatô”, de João Viana.

Trata-se da história de um ex-combatente da guerra colonial que regressa ao país para assistir ao casamento da filha, professora de História, com um dos músicos da aldeia de Tabatô. Face aos traumas da guerra que persistem, os músicos da aldeia reúnem-se então para iniciar uma batalha: a música de Tabatô contra as recordações de um passado não muito distante.
Realizada em 2012, a longa metragem foi bastante elogiada pela crítica e distinguida com uma menção honrosa para melhor primeira obra no Festival de Berlim em 2013. A entrada é gratuita e a sessão inclui debate no final com a investigadora Teresa Cravo e o músico guineense Mamadu Baio, um dos intérpretes do filme.

Faça-nos companhia!

Coimbra, Teatro da Cerca de São Bernardo
Programação de 12 de Fevereiro de 2019

OFICINA
Treino físico para as artes cénicas
Matilde J. Ciria
5, 12, 19 e 26 de Fevereiro de 2019
terças-feiras, 18h30 – 20h00
Cena Lusófona > 9,00 €

OFICINA
NI.BUTOH – Ni Teatro Ni Dança
Matilde J. Ciria
5, 12, 19 e 26 de Fevereiro de 2019
terças-feiras, 20h00 – 22h00
Cena Lusófona > 15,00 €

CINEMA
A Batalha de Tabatô
de João Viana
12 de Fevereiro de 2019
Terça-feira, 21h30
seguido de debate com os comentários de Teresa Cravo e Mamadu Baio
M/12 > entrada gratuita
org. Organização de Estudantes da Guiné-Bissau em Coimbra / CES-UC – projecto (DE)OTHERING / A Escola da Noite

informações e reservas:
239 718 238 / 966 302 488 / geral@aescoladanoite.pt

João Pedro Mésseder e Rachel Caiano apresentam em Coimbra “um livro cantante”

Segunda-feira, Fevereiro 11th, 2019

O escritor João Pedro Mésseder e a ilustradora Rachel Caiano são os protagonistas da semana nos Sábados para a Infância no TCSB. Na manhã do próximo dia 16 apresentam em Coimbra o seu mais recente livro, “Canções do Ar e das Coisas Altas”, com um programa que inclui surpresas musicais (para todas as idades) e uma oficina de ilustração para maiores de 6 anos.
A semana no Teatro programado pel’A Escola da Noite inclui ainda a projecção do filme “A Batalha de Tabatô”, de João Viana (terça-feira, dia 12, 21h30) e o debate “À beira da extinção, o que fazer?”, organizado pelo colectivo ClimAção Centro (dia 16, 21h30).

flyer rachel caiano_01

A BATALHA DE TABATÔ
O ciclo de cinema “Guiné-Bissau, 46” é uma iniciativa da Organização de Estudantes da Guiné-Bissau em Coimbra e do projecto (DE)OTHERING, do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra, que visa “pluralizar as representações” deste país em Portugal, através do cinema da e sobre a Guiné-Bissau. Depois da exibição de “Mortu Nega”, de Flora Gomes, propõe esta semana o filme “A Batalha de Tabatô”, realizado pelo português João Viana. Trata-se da história de um ex-combatente da guerra colonial que regressa ao país para assistir ao casamento da filha, professora de História, com um dos músicos da aldeia de Tabatô. Face aos traumas da guerra que persistem, os músicos da aldeia reúnem-se então para iniciar uma batalha: a música de Tabatô contra as recordações de um passado não muito distante.

abatalhadetabato_cartaz
Realizada em 2012, a longa metragem foi bastante elogiada pela crítica e distinguida com uma menção honrosa para melhor primeira obra no Festival de Berlim em 2013. A entrada é gratuita e a sessão inclui debate no final com a investigadora Teresa Cravo e o músico guineense Mamadu Baio, um dos intérpretes do filme.

CANÇÕES DO AR E DAS COISAS ALTAS
Nos Sábados para a Infância, a manhã de dia 16 oferece um programa especial: o escritor João Pedro Mésseder e a ilustradora Rachel Caiano vêm apresentar em Coimbra a sua obra mais recente, o livro “Canções do Ar e das Coisas Altas”. Composto por poemas que são letras de canções, trata-se de um “livro cantante” e que por isso mesmo será objecto de uma “apresentação cantada”, com momentos musicais interpretados pelos próprios autores.

CancoesdoAr

Com entrada livre e para todas as idades, a apresentação será seguida de uma oficina de ilustração, esta para maiores de 6 anos e com inscrições limitadas, dirigida por Rachel Caiano. Inspirada pelos poemas do livro, a ilustradora, que participa pela terceira vez nos Sábados para a Infância, desafia os mais pequenos a desenharem o que vêem quando olham para as nuvens. “Vamos desenhar uma tempestade de animais e construções aéreas”, promete Rachel, enquanto organiza os pedacinhos de algodão, as esponjas e as aguarelas que há-de trazer para Coimbra.
A apresentação do livro tem início às 10h30 e a oficina decorre entre as 11h30 e as 13h00, garantindo assim mais uma animada manhã de Sábado no Teatro da Cerca de São Bernardo.

ALTERAÇÕES CLIMÁTICAS EM DEBATE
Ainda no Sábado, no Bar/Livraria do Teatro, pelas 21h30, A Escola da Noite acolhe o debate “À Beira da Extinção, O que fazer?”, organizado pelo colectivo ClimAção Centro. Perante a “crise ecológica” em que se encontra o planeta, que a organização considera “uma emergência global sem precedentes”, pretende-se “partilhar a ciência climática mais atual” e discutir o ponto de situação das políticas climáticas e possíveis soluções.
A entrada é livre.

OFICINAS DE MOVIMENTO
Prossegue igualmente o segundo ciclo das duas oficinas de movimento que Matilde Javier Ciria, bailarino e coreógrafo espanhol radicado em Coimbra, vem dirigindo no TCSB desde Setembro de 2018. Todas as terças-feiras ao final da tarde têm lugar as oficinas “Treino físico para as artes cénicas” (18h30 – 20h00) e “Ni.Butoh: Ni Teatro Ni Dança” (20h00 – 22h00). Ambas se destinam “a todos os tipos de corpos”, independentemente da experiência dos formandos, e há preços especiais para quem decida inscrever-se nas duas oficinas e/ou em conjuntos de 5 sessões.

Coimbra, Teatro da Cerca de São Bernardo
Programação de 11 a 17 de Fevereiro de 2019

OFICINA
Treino físico para as artes cénicas
Matilde J. Ciria
5, 12, 19 e 26 de Fevereiro de 2019
terças-feiras, 18h30 – 20h00
Cena Lusófona > 9,00 €

OFICINA
NI.BUTOH – Ni Teatro Ni Dança
Matilde J. Ciria
5, 12, 19 e 26 de Fevereiro de 2019
terças-feiras, 20h00 – 22h00
Cena Lusófona > 15,00 €

CINEMA
A Batalha de Tabatô
de João Viana
12 de Fevereiro de 2019
Terça-feira, 21h30
seguido de debate com os comentários de Teresa Cravo e Mamadu Baio
M/12 > entrada gratuita
org. Organização de Estudantes da Guiné-Bissau em Coimbra / CES-UC – projecto (DE)OTHERING / A Escola da Noite

LITERATURA | MÚSICA | ILUSTRAÇÃO
Canções do Ar e das Coisas Altas – apresentação cantada de um livro cantante
de João Pedro Mésseder e Rachel Caiano
16 de Fevereiro de 2019
sábado, 10h30
M/3 > 60’ > entrada livre
seguida de
Oficina de ilustração
com Rachel Caiano
11h30 – 13h00
M/6 > 90′
Preço (oficina): 15 Euros
[Sábados para a infância no TCSB]

DEBATE
À Beira da Extinção. O que fazer? @Coimbra
ClimAção Centro
16 de Fevereiro de 2019
Sábado, 21h30
Bar/Livraria do TCSB> entrada livre
org. Climáximo e ClimAção Centro

informações e reservas:
239 718 238 / 966 302 488 / geral@aescoladanoite.pt

Outubro no TCSB: Histórias Perversas, Auto dos Físicos e Sábados para a Infância

Sexta-feira, Outubro 5th, 2018

A despedida de TOMEO Histórias Perversas, uma mini-temporada de “Auto dos Físicos” e o regresso dos Sábados para a Infância marcam a programação de Outubro do Teatro da Cerca de São Bernardo, em Coimbra.
Na sala programada pel’A Escola da Noite há ainda tempo para a exibição do filme “Setembro A Vida Inteira”, com a presença da realizadora e seguido de uma prova de vinhos.

TOMEOHistoriasPerversas_EduardoPinto04

“TOMEO Histórias Perversas” (foto: Eduardo Pinto)

TOMEO E GIL VICENTE
Ao longo do mês de Outubro A Escola da Noite apresenta em Coimbra dois dos seus mais recentes espectáculos. Nas duas primeiras semanas, até dia 14, de quarta a domingo, despede-se da cidade “TOMEO Histórias Perversas”, a criação estreada em Setembro de 2017, assinalando o 25º aniversário da companhia. Pelo surpreendente cenário construído no palco do TCSB passam 26 textos curtos do dramaturgo espanhol Javier Tomeo, seleccionados a partir das obras “Histórias Mínimas”, “Cuentos perversos”, “Inéditos y Reescrituras”, “Los nuevos inquisidores”, “Problemas oculares” e “Bestiário”. Trata-se de uma “literatura livre e audaz”, muitas vezes a raiar o absurdo – plena de humor, ironia e sátira mas também de poesia e humanismo. A perversidade, anunciada pelo próprio autor, e a aparente falta de compaixão com que trata as suas personagens desafiam e espectador a pensar na forma como se vive, como se vive com o outro e como se convive com um mundo que tantas vezes parece ser uma coisa demasiado estranha. O público encontrará nestas histórias (muitos) míopes, pais que vêem gigantes onde filhos vêem moinhos, assassinos que saltam da tela de cinema, crianças que partem a lua em pedaços, esqueletos que falam, capitães que desertam, leões que choram e muitas outras coisas que nem sempre “saem à medida dos nossos desejos”.
Com encenação, dramaturgia e espaço cénico de António Augusto Barros e as interpretações de Igor Lebreaud, Miguel Magalhães e Sofia Lobo, “TOMEO Histórias Perversas” tem música original (interpretada ao vivo) de Jorri, vídeo de Eduardo Pinto, luz de António Rebocho e figurinos e adereços de Ana Rosa Assunção.

A 23 e 24 de Outubro, antecipando um novo período de digressão com este espectáculo, A Escola da Noite volta a apresentar em Coimbra o “Auto dos Físicos”, de Gil Vicente, espectáculo que mantém em reportório há precisamente quatro anos. Estreado em 2014, em co-produção com a Secção Regional do Centro da Ordem dos Médicos, no âmbito das comemorações do 35.º aniversário do Serviço Nacional de Saúde, o “Auto dos Físicos” é uma farsa muito divertida, escrita entre 1512 e 1524, provavelmente em altura de Carnaval. Um padre “morre” de um amor não correspondido e quatro médicos (os “físicos”) visitam-no à vez, sugerindo estapafúrdios remédios. Brásia Dias, a parente que primeiro o tenta ajudar, um moço transformado em (fraco) alcoviteiro e um padre confessor que compreende “bem demais” o sofrimento do seu colega completam o leque de personagens da peça, que termina com uma “ensalada” vicentina, com referências e citações de outras peças do autor e a elementos do cancioneiro tradicional.
Também dirigido por António Augusto Barros, o “Auto dos Físicos” é interpretado por Filipe Eusébio, Igor Lebreaud, Maria João Robalo, Miguel Magalhães e Sofia Lobo. As sessões para escolas terão lugar a 23 e 24 de Outubro (terça e quarta-feira, 11h00 e 15h00) e a única sessão para o público em geral está marcada para dia 24, quarta-feira, às 21h30.

SÁBADOS PARA A INFÂNCIA
Nos Sábados para a Infância, cuja programação trimestral foi recentemente anunciada, as propostas de Outubro incluem a oficina “Brincar ao Teatro”, dirigida pela actriz Maria João Robalo (dia 6, para crianças entre os 6 e os 10 anos); a habitual sessão mensal de “Flores de Livro – leitura para a infância”, por Cláudia Sousa (dia 13, para maiores de 2 anos); o regresso do concerto “O Mundo ao Colo”, a criação do Taleguinho com “músicas do mundo” para pais e filhos (dia 20, crianças até aos 5 anos); e ainda o regresso da oficina “Dança para Pais e Filhos”, de Leonor Barata (dia 27, crianças dos 18 meses aos 4 anos).
Os “Sábados para a Infância no TCSB” são um programa desenvolvido pel’A Escola da Noite desde Janeiro de 2015. Desde então, todos os sábados de manhã há propostas artísticas para os mais novos e para as famílias da cidade no TCSB. Propositadamente, as propostas são diversificadas quanto às expressões artísticas e incluem teatro, dança, música, ilustração, pintura, cinema, animação, literatura, entre outras. São igualmente diversificadas quanto aos formatos (espectáculos, oficinas, leitura de contos) e quanto às faixas etárias a que prioritariamente se destinam – dos 4 meses à adolescência, incluindo naturalmente os adultos que acompanham as crianças.
Neste momento já é conhecida a programação até ao final de Dezembro e é já possível (e aconselhável) efectuar reservas, pelos contactos habituais do TCSB: 239 718 238 / 966 302 488 / geral@aescoladanoite.pt.

Setembro a Vida Inteira e oficinas de movimento
Ainda no âmbito da programação de Outubro do TCSB, A Escola da Noite salienta a exibição do filme “Setembro A Vida Inteira”, com a presença da realizadora Ana Sofia Fonseca e seguida de uma prova de vinhos. A projecção está marcada para o dia 17 de Outubro, quarta-feira, pelas 21h00 e ocorre no âmbito do programa “O Mundo do Vinho”, organizado pela produtora Margarida Mendes Silva ao longo do mês, em vários espaços da cidade.
Às terças-feiras, ao final da tarde, prosseguem as oficinas de movimento “Treino físico para as artes cénicas” e “Ni.Butoh”, dirigidas por Matilde Javier Ciria. Abertas ao público em geral, independentemente da experiência dos formandos, estas oficinas pode ser frequentadas em continuidade ou pontualmente, de acordo com as disponibilidades dos interessados. As inscrições podem ser feitas através dos contactos do TCSB.

Teatro da Cerca de São Bernardo
Programação de Outubro de 2018

cartaz TCSB 201810

OFICINA
Treino físico para as artes cénicas
Matilde J. Ciria
11 de Setembro a 11 de Dezembro de 2018
terças-feiras, 18h30 – 20h00
Cena Lusófona > 8,00 €

OFICINA
NI.BUTOH – Ni Teatro Ni Dança
Matilde J. Ciria
11 de Setembro a 11 de Dezembro de 2018
terças-feiras, 20h00 – 22h00
Cena Lusófona > 15,00 €

LEITURA
“Gaia”
dir. Ricardo Cabaça
Clube de Leitura Teatral
2 de Outubro de 2018
Terça-feira, 18h30
60’ > entrada gratuita
co-organização: TAGV / A Escola da Noite

TEATRO
TOMEO Histórias Perversas
de Javier Tomeo
A Escola da Noite
3 a 14 de Outubro de 2018
quarta a sábado, 21h30; domingos, 16h00
M/12 > 1h30 > 6 a 10 €

TEATRO | OFICINA
Brincar ao Teatro (6-10)
Maria João Robalo / A Escola da Noite
6 de Outubro de 2018
Sábado, 11h00
6 aos 10 anos > 90′
Preço: 10 €

LEITURA
Flores de Livro
Cláudia Sousa
13 de Outubro de 2018
Sábado, 11h00
Bar/Livraria do TCSB > M/2 > 50′
Preços: 5 € (adulto+criança); 3 € (individual)

CINEMA
Setembro A Vida Inteira
de Ana Sofia Fonseca
com a presença da realizadora e seguido de uma prova de vinhos
17 de Outubro de 2018
quarta-feira, 21h00
Documentário > Portugal, 2017 > 98’ > M/12 > 3 €
sessão integrada na programação de “O Mundo do Vinho”

MÚSICA
O Mundo ao Colo
Taleguinho
20 de Outubro de 2018
Sábado, 11h00
adultos + bebés e crianças até aos 5 anos > 40′
Preços: 10 € (adulto+criança); 6 € (bilhete individual)

TEATRO
Auto dos Físicos
de Gil Vicente
A Escola da Noite
24 de Outubro de 2018
quarta-feira, 21h30
M/12 > 60′ > 6 a 10 €
sessões para escolas:
23 e 24 de Outubro
terça e quarta-feira, 11h00 e 15h00

DANÇA | OFICINA
Dança para pais e filhos
com Leonor Barata
27 de Outubro de 2018
Sábado, 11h00
adultos + crianças dos 18 meses aos 4 anos > 60′
Preço: 10 € (adulto+criança)

informações e reservas:
239 718 238 / 966 302 488 / geral@aescoladanoite.pt