Sofia Lobo

SofiaLobo [1200x800]

Nasceu em Mortágua, em 1966.

Licenciada em Línguas e Literaturas Modernas (Português/Inglês). Fez o Curso de Gestão das Artes promovido pelo CCB em 1998. Integrou o Teatro Experimental de Mortágua (1981/84) e o TEUC (1984/88), onde trabalhou com Ricardo Pais, Manuel Sardinha e Rogério de Carvalho.

Pertence ao núcleo fundador d’A Escola da Noite, tendo integrado os elencos de cerca de 40 espectáculos, dirigidos por António Augusto Barros, Nuno Carinhas, Konrad Zschiedrich, Pierre Voltz, Rogério de Carvalho e Sílvia Brito, entre outros. Integrou as deslocações da companhia ao Europees Theatrerfestival em Antuérpia (1993), à Guiné-Bissau (1994), a Moçambique (1995), ao Brasil (1998), a Santiago de Compostela (2002 e 2012) e a Angola (2008). Participou na segunda e na terceira edições do Estágio Internacional de Actores da Cena Lusófona, dirigidos por Stephan Stroux e Pierre Voltz (2000 e 2003, respectivamente).

Encenou os espectáculos “Play”, textos de Samuel Beckett (2006), “Noite de amores efémeros”, textos de Paloma Pedrero (2010) – ambos com traduções suas – e “Nunca estive em Bagdad”, de Abel Neves.

Formadora em iniciativas como o “III Estágio Internacional de Actores” (2003), “Tchékhov em um acto” (2007), “Uma aula vicentina” (2004 e 2006), “Oficina de artes” (2007/10) e estágio dos alunos do Curso de Artes do Espectáculo/Interpretação do Colégio São Teotónio (2013).

Colaborou na organização do Festival Gravana 2002, realizado pela Cena Lusófona em São Tomé e Príncipe, onde também fez produção executiva da primeira fase dos trabalhos do IV Estágio Internaciona de Actores, em 2013.

foto: Eduardo Pinto

One Response to “Sofia Lobo”

  1. […] e encenação Cándido Pazó tradução Cándido Pazó e Sofia Lobointerpretação Igor Lebreaud, Maria João Robalo, Miguel Magalhães, Ricardo […]

Leave a Reply

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.