“Aqui, onde acaba a estrada”, de Igor Lebreaud, estreia em Setembro no TCSB

“Aqui, onde acaba a estrada” (fotografias de ensaio @ Eduardo Pinto)

A Escola da Noite está a preparar a sua próxima estreia que acontecerá em Setembro e que reserva para os espectadores mais um dos momentos comemorativos dos seus trinta anos.

Igor Lebreaud dirige o espectáculo a partir de uma peça de teatro inédita que o próprio escreveu: “Aqui, onde acaba a estrada”. Esta é também a sua primeira encenação a solo.
Trata-se de um texto de forte tensão dramática que aborda um dos grandes temas dos nossos tempos; as grandes migrações forçadas de comunidades desfeitas, culturas colapsadas escapando da violência: Uma família, que há gerações foge da guerra, chega, por fim, ao local onde a estrada termina. Aí ergue-se o Portão, para lá do qual se encontra a promessa de um mundo melhor. Para poderem entrar, contudo, terão de renunciar à língua que falam, às roupas que trazem e à caixa que durante anos, arrastaram pelo mundo.

O espectáculo contará com um elenco de cinco actores – Ana Teresa Santos, Hugo Inácio, Margarida Dias, Miguel Magalhães e Ricardo Kalash, a cenografia é de João Mendes Ribeiro, figurinos de Ana Rosa Assunção, luz de Danilo Pinto e som de Zé Diogo.

A peça foi partilhada com o público, pela primeira vez, em Julho de 2019, numa sessão do Clube de Leitura Teatral. Estreará agora, como a 73.ª criação d’A Escola da Noite.

Leave a Reply

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.