Archive for the ‘debate’ Category

Hoje no TCSB: debate “Centro Histórico: que futuro?”

Terça-feira, Setembro 5th, 2017

21167274_1642303975788361_1427474632634454803_o

A Escola da Noite acolhe hoje, ao final da tarde, o debate com os candidatos à Câmara Municipal de Coimbra sobre o Centro Histórico da cidade.

A iniciativa é da Agência para a Promoção da Baixa de Coimbra (APBC) e conta com a moderação do jornalista Lino Vinhal. Começa às 19h15 e tem entrada gratuita.

DEBATE
Centro Histórico: que futuro? Baixa, Património de Coimbra
com os candidatos às Câmara Municipal de Coimbra
5 de Setembro de 2017
terça-feira, 19h15
entrada gratuita
org. APBC – Agência para a Promoção da Baixa de Coimbra

Nova temporada do TCSB abre com Histórias Perversas, pel’A Escola da Noite

Segunda-feira, Agosto 28th, 2017

A temporada 2017/2018 do Teatro da Cerca de São Bernardo, em Coimbra, abre com a estreia da nova produção d’A Escola da Noite: “TOMEO Histórias Perversas”. O espectáculo assinala o 25.º aniversário da companhia e estará em cena de 14 a 30 de Setembro, de quarta a domingo. Para Outubro está marcado o regresso de “Embarcação do Inferno”, de Gil Vicente.

HistoriasPerversas02_Fotodeensaio_EduardoPinto

Igor Lebreaud e Sofia Lobo – ensaio de “Histórias Perversas” (foto: Eduardo Pinto)

HISTÓRIAS PERVERSAS
Depois das ante-estreias lotadas em Julho, A Escola da Noite ultima agora a estreia da sua 65.ª produção, marcada para 14 de Setembro. “TOMEO Histórias Perversas” reúne mais de duas dezenas de textos breves do dramaturgo espanhol Javier Tomeo, seleccionados a partir das obras “Histórias Mínimas”, “Cuentos perversos”, “Inéditos y Reescrituras”, “Los nuevos inquisidores”, “Problemas oculares” e “Bestiário”. Míopes, pais que vêem gigantes onde filhos vêem moinhos, assassinos que saltam da tela de cinema, crianças que partem a lua em pedaços, esqueletos que falam, capitães que desertam e leões que choram são apenas algumas das dezenas de personagens em que se desdobra o (pequeno) elenco do espectáculo, composto por Igor Lebreaud, Miguel Magalhães e Sofia Lobo.
Seleccionados por António Augusto Barros e traduzidos pela equipa criativa do espectáculo, os textos agora levados à cena são uma pequena amostra da literatura “livre e audaz” que caracteriza a obra de Tomeo, autor prolífico e considerado por muitos como “inclassificável”, mas confesso admirador de Kafka, de Buñuel, do surrealismo, ou ainda de Charlot, Buster Keaton e Ramón Gómez de la Serna.
Encarando de frente alguns dos temas que acompanham todo o trabalho de Tomeo – o medo, a solidão, a incapacidade (ou a dificuldade) de comunicar – mas também a poesia e o humor de que nunca abdicou, A Escola da Noite regressa ao seu “autor fundador” (é de Tomeo o “Amado Monstro”, com que tudo começou, em 1992). À equipa “da casa” (na qual se inclui Ana Rosa Assunção, figurinista, aderecista e designer gráfica), juntam-se Jorri (que compôs a música e a interpreta ao vivo em todas as sessões desta temporada), António Rebocho (com um desenho de luz que realça o mistério e a inquietação que os textos sugerem) e Eduardo Pinto (cujo trabalho no vídeo alcança aqui um novo patamar). Com a consultadoria de João Mendes Ribeiro e Luísa Bebiano, António Augusto Barros concebeu também, a par da dramaturgia e da encenação, o espaço cénico – uma “máquina teatral”, recheada de surpresas, que tira o maior partido da versatilidade do TCSB e que, não deixando ninguém indiferente, já começou a suscitar as mais diversas interpretações.
“TOMEO Histórias Perversas” estará em cena de 14 a 30 de Setembro, de quarta a sábado às 21h30 e aos domingos às 16h00. Os bilhetes custam entre 6 e 10 Euros, já estão à venda e podem ser reservados pelos contactos habituais do TCSB: 239 718 238 / 966 302 488 / geral@aescoladanoite.pt. Por causa das características da tal “máquina teatral” em que tudo acontece, a lotação é mais reduzida do que o habitual. Os tradicionais avisos para a necessidade de reservar lugar com antecedência são desta vez, por isso mesmo, para levar ainda mais a sério.

CENTRO HISTÓRICO: QUE FUTURO?
Mesmo em mês de estreia d’A Escola da Noite, o TCSB mantém a sua porta aberta às iniciativas de outras instituições da cidade. Ainda antes do início da temporada de “TOMEO Histórias Perversas”, o Teatro acolhe, a 5 de Setembro, o debate com os candidatos à Câmara Municipal de Coimbra organizado pela Agência para a Promoção da Baixa de Coimbra. Pelas 19h15, com moderação do jornalista Lino Vinhal, os representantes das candidaturas às próximas eleições autárquicas discutem na sala principal do Teatro da Cerca de São Bernardo o tema “Centro Histórico: que futuro? Baixa, Património de Coimbra”. A entrada é livre.

EMBARCAÇÃO DO INFERNO REGRESSA EM OUTUBRO
Entretanto, A Escola da Noite está também já a aceitar reservas para o regresso a Coimbra de “Embarcação do Inferno”, de Gil Vicente, marcado para a segunda quinzena de Outubro.
Realizado em co-produção com o Cendrev – Centro Dramático de Évora, o espectáculo estreou em 2016 e assinala os 500 anos da primeira apresentação e da primeira edição do mais conhecido texto de Gil Vicente, também conhecido como “Auto da Barca do Inferno”. Na primeira fase de apresentações, foi apresentado em oito localidades nacionais em cerca de 70 sessões e foi visto por mais de seis mil espectadores.

imagemsemdata1000

Com encenação dos directores artísticos das duas companhias – António Augusto Barros e José Russo –, tem sido elogiado pela crítica e pelo público, que salientam a forma como o respeito pelo texto original se articula com uma abordagem cénica contemporânea, com particular destaque para o trabalho dos actores, a interacção com os diferentes bonecos que dão vida a algumas das personagens e a surpreendente cenografia, assinada por João Mendes Ribeiro e Luísa Bebiano. O elenco conta com actores dos dois grupos – Ana Meira, Igor Lebreaud, Jorge Baião, José Russo, Maria João Robalo, Miguel Magalhães, Rosário Gonzaga e Rui Nuno –, os figurinos e bonecos são de Ana Rosa Assunção, a música de Luís Pedro Madeira e o desenho de luz de António Rebocho.
A nova temporada em Coimbra decorre entre 18 e 29 de Outubro e inclui seis sessões para o público em geral (21 a 29 de Outubro, de quinta a domingo) e 10 sessões para o público escolar, em horário diurno (18 a 27 de Outubro, de quarta a sexta-feira). Nas sessões abertas ao público em geral, os bilhetes custam entre 6 e 10 Euros; nas sessões para escolas, que exigem reserva prévia e já estão a começar a ficar preenchidas, o preço é de 3 Euros por aluno, com entrada gratuita para professores/as e alunos/as abrangidos/as pelo Escalão A da ASE. Também já é possível comprar e reservar bilhetes.

Coimbra, Teatro da Cerca de São Bernardo
PROGRAMAÇÃO DE SETEMBRO DE 2017

DEBATE
Centro Histórico: que futuro? Baixa, Património de Coimbra
com os candidatos às Câmara Municipal de Coimbra
5 de Setembro de 2017
terça-feira, 19h15
entrada gratuita
org. APBC – Agência para a Promoção da Baixa de Coimbra

TEATRO [ESTREIA]
TOMEO Histórias Perversas
A Escola da Noite
14 a 30 de Setembro de 2017
quarta a sábado, 21h30; domingos, 16h00
M/12 > 1h30
Preços: Normal, 10 €; Estudante, jovem, M/65, profissionais e amadores/as de teatro: 6 €; Entidades protocoladas TCSB: 5 €; Assinaturas TCSB: 50 € (10+1 entradas) ou 30 € (5 entradas)

A ESCOLA DA NOITE – GRUPO DE TEATRO DE COIMBRA
(a seguir)

TEATRO
Embarcação do Inferno
de Gil Vicente
A Escola da Noite / Cendrev
21 a 29 de Outubro de 2017
quinta a sábado, 21h30 > domingos, 16h00
Sessões para escolas (mediante marcação prévia):
18 a 27 de Outubro de 2017
quarta a sexta-feira, 11h00 e 15h00
M/12 > 60′
Preços: Normal, 10 €; Estudante, jovem, M/65, profissionais e amadores/as de teatro: 6 €; Entidades protocoladas TCSB: 5 €; Assinaturas TCSB: 50 € (10+1 entradas) ou 30 € (5 entradas); Sessões para escolas, 3€

informações e reservas:
239 718 238 / 966 302 488 / geral@aescoladanoite.pt

Hoje no TCSB: a estreia de “Papelinho Japonês” e o encerramento do Desobedoc

Sábado, Maio 13th, 2017

13 de Maio

Está prestes a começar mais um grande, grande dia no Teatro da Cerca de São Bernardo!
Às 11h00, a Catrapum Catrapeia, com Vânia Couto e Sandra Henriques, vai ter uma lotação esgotada a assistir à estreia de “1, 2, 3… Papelinho Japonês”.
À noite, duas curtas metragens vão falar-nos do Brasil de hoje, na última das sessões da extensão a Coimbra do festival DESOBEDOC. O comentário está a cargo de Marisa Matias e a conversa após a exibição dos filmes conta com a presença de Luísa Sequeira e Sama, realizadora e realizador do filme “Nada a Temer”.
Logo a seguir, e ainda com a marca do DESOBEDOC, o DJ Toni Ferrino vai “tropicalizar” a noite, numa festa que promete prolongar-se pela noite dentro.
Faça-nos companhia!

 

MÚSICA
Um, Dois, Três… Papelinho Japonês! [ESTREIA]
Vânia Couto
13 de Maio de 2017
Sábado, 11h00
M/3 > 50′
Preços: 8 € (adulto+criança); 5 € (individual)
[Sábados para a infância no TCSB]
Sessões para creches e jardins de infância: 16 a 18 de Maio (terça a quinta-feira, 10h30)

CINEMA
Pessoa Coisa Cidade Torre
de Paula Sacchetta, Pedro Nogueira e Peu Robles

+

Nada a Temer (work in progress)
de Luísa Sequeira e Sama
com comentário de Marisa Matias e debate com os realizadores
13 de Maio de 2017
Sábado, 21h30
M/12 > 21′ + 20′ > DOC > Brasil, 2015 + Portugal/Brasil, 2017
Bar do TCSB > entrada gratuita
no âmbito do DESOBEDOC 2017 – Extensão a Coimbra

MÚSICA
DESOBEDOC 2017 – Coimbra: Festa de encerramento
DJ Toni Ferrino
13 de Maio de 2017
Sábado, 23h00
Bar e foyer do TCSB > entrada gratuita
no âmbito do DESOBEDOC 2017 – Extensão a Coimbra

informações e reservas:

239 718 238 / 966 302 488 / geral@aescoladanoite.pt

 

Hoje no TCSB: José Manuel Pureza comenta “Eu, Daniel Blake”

Sexta-feira, Maio 12th, 2017

I DANIEL BLAKE

Prossegue a extensão a Coimbra do Festival DESOBEDOC – Mostra de Cinema Insubmisso. Hoje à noite é exibido o filme “Eu, Daniel Blake”, de Ken Loach. A sessão começa às 21h30, tem entrada gratuita e conta com o comentário de José Manuel Pureza.
Faça-nos companhia!

CINEMA
Eu, Daniel Blake
de Ken Loach
com comentário de José Manuel Pureza
12 de Maio de 2017
Sexta-feira, 21h30
M/12 > 100′ > DRA > Reino Unido/França/Bélgica, 2016
Bar do TCSB > entrada gratuita
no âmbito do DESOBEDOC 2017 – Extensão a Coimbra

Hoje no TCSB: a estreia de “Pela Mão de Alice”

Segunda-feira, Maio 8th, 2017

pela mao de alice

Não é todos os dias que temos a oportunidade de acolher a estreia de um documentário no TCSB. Hoje é um desses dias, graças ao Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra. “Pela mão de Alice”, de Raquel Freire, “segue as andanças académicas e sociopolíticas de Boaventura Sousa Santos no decurso do projeto de investigação “ALICE: Espelhos Estranhos, Lições Imprevistas”.

A sessão começa às 21h00, tem entrada gratuita e conta com a presença da realizadora e de Boaventura Sousa Santos.

Faça-nos companhia!

CINEMA [ESTREIA]
Pela Mão de Alice
de Raquel Freire
seguido de debate com a realizadora e Boaventura Sousa Santos
8 de Maio de 2017
segunda-feira, 21h00
M/12 > 100′ > DOC > Portugal, 2017
Org. Alice – CES/UC
entrada gratuita